Campo Erê / Prisões - 23 de Janeiro de 2023 - 16h31

​Suspeito de chacina em Campo Erê confessa crimes


O homem de 32 anos, suspeito da chacina no interior de Campo Erê na noite do ultimo sábado 21, que se apresentou voluntariamente na sede do destacamento da policia militar em Saltinho, confessou os crimes e apresentou a arma utilizada para matar e ferir as pessoas que lá estavam naquele momento.

Em depoimento a policia civil, o homem, que o portal conseguiu identificar como sendo Joel Sergio Mayer de 32 anos, disse que esta arrependido e a motivação foi de cunho familiar, mas não foi informado quais, e que ele também efetuou os disparos depois de ter sido atacado por uma das pessoas que estavam local e que depois o alvejou vindo a óbito.

Após cometer o crime, o suspeito se refugiou em uma mata próxima a cidade de Saltinho onde reside.

Desde a noticia do crime a policia da região, com apoio do PPT, realizaram buscas, mas sem sucesso na localização.

O portal teve a informação de que a negociação para que Joel pudesse se apresentar voluntariamente, se deu entre o comandante do destacamento da policia militar de Saltinho e o patrão de onde o suspeito trabalhava.

Ele também entregou a arma utilizada no crime, uma espingarda calibre 12, com mais sete munições do mesmo calibre.

A policia civil havia representado pela prisão provisória de 30 dias, prorrogável por mais 30, podendo ser convertida para a preventiva.

Após os procedimentos o suspeito foi conduzido a unidade prisional de São José do Cedro onde esta a disposição da justiça.

Segundo o TJ-SC a audiencia de custodia foi agendada para esta terça feira 24.

Saiba mais

Suspeito se entrega

Crimes

Investigação e identificação das vitimas

Familiar preso com arma e munições

Fonte: CampoErê.Com

Compartilhar:

Veja também

Todos os direitos reservados. Campo Erê.com. 2023